ECONOMIA

Presidente do Banco do Brasil renunciou ao cargo.




Reprodução.

O presidente do Banco do Brasil, Rubem Novaes, renunciou ao cargo nesta sexta-feira e deve deixar o cargo em agosto. O pedido foi entregue ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro da Economia, Paulo Guedes.

 
Rubem assumiu a presidência do BB no início do atual governo, justificou a saída por entender que o banco “precisa de renovação para enfrentar os momentos futuros de muitas inovações no sistema bancário”, de acordo com comunicado encaminhado pelo banco.

O substituto do executivo na presidência do Banco do Brasil ainda não foi anunciado.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



ECONOMIA  |  12/08/2020 - 09h





ECONOMIA  |  11/08/2020 - 10h







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb