EDUCAÇÃO

Com 55,3% de ausência, ENEM tem recorde de abstenções.


Divulgação

Dos mais de 5,5 milhões de inscritos para fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), menos da metade compareceu aos locais de prova no domingo (24) para o segundo dia de prova. A abstenção no país foi de 55,3%, segundo dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela aplicação do exame.

Em coletiva de imprensa após o fechamento das salas, o presidente do Inep, Alexandre Lopes, falou sobre a abstenção e disse que o índice foi maior do que o esperado, mas disse que prefere olhar a situação pelo lado dos 2,5 milhões que conseguiram fazer a prova. "O que importa para o Inep é assegurar a oportunidade, e isso nós fizemos. Acho que é uma decisão individual", afirmou. 
 
Ele ainda citou um exemplo do que pode ter levado ao crescimento desse índice. "Chegou pra mim que alguns professores de escolas privadas estavam pedindo para que os treineiros não fossem fazer a prova e deixassem para os que tinham realmente intenção de concorrer às vagas [no ensino superior], por exemplo", citou.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



EDUCAÇÃO  |   27/11/2021 10h34





EDUCAÇÃO  |   26/11/2021 08h42


EDUCAÇÃO  |   23/11/2021 15h44







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb