CENÁRIO URBANO

Prefeitura do Rio vai transformar quiosques onde Moïse foi assassinado num memorial à cultura africana


Foto:(Divulgação)

A prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Fazenda, vai transformar em um memorial em homenagem à cultura congolesa e africana os quiosques Biruta e Tropicalia, na Barra da Tijuca, onde Moïse Kabagambe foi brutalmente assassinado. A reformulação dos quiosques pretende celebrar a "cultura e alegria do povo africano, tendo ali um ponto de referência com comida típica, e trazendo a oportunidade de empregar refugiados que vivem na cidade".
"O que aconteceu", diz o secretário Pedro Paulo: "foi algo brutal, inaceitável e que não é da natureza do Rio. É nosso dever ser uma cidade antirracista, acolhedora e comprometida com a justiça social".





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



CENÁRIO URBANO  |   04/07/2022 17h40





CENÁRIO URBANO  |   30/06/2022 15h53


CENÁRIO URBANO  |   28/06/2022 19h05







google.com, pub-8716156245551661, DIRECT, f08c47fec0942fa0 facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb facebook-domain-verification=8oizd3j6a3sk7a47ngn154tlepi1hb